Data: 20/10/2021 15:58 / Autor: Redação / Fonte: Agência Brasil

Com foco em oftalmologia, São Paulo inicia amanhã (20) Corujão da Saúde

O objetivo do governo é zerar a fila de oftalmologia dos ambulatórios médicos de especialidades (AME)


Exame de vista
Exame de vista

Crédito: iStock

Para atender à demanda reprimida por causa da pandemia de covid-19, o governo de São Paulo vai promover uma nova fase do Corujão da Saúde, desta vez com foco em oftalmologia. O Corujão da Saúde tem início nesta quinta-feira (21) em todo o estado.

Nesta etapa, serão oferecidos à população paulista cerca de 51 mil procedimentos entre consultas, exames e cirurgias. O investimento é de R$ 14 milhões.

O objetivo do governo é zerar a fila de oftalmologia dos ambulatórios médicos de especialidades (AME) que foram cadastrados pelos municípios na Central de Regulação e Oferta de Serviços de Saúde (Cross) até 20 de setembro.

Segundo o governo, serão oferecidos 23.112 exames de dez tipos diferentes, 16.077 cirurgias de catarata e retina e 11.794 consultas médicas. “O objetivo do governo de São Paulo é zerar a fila de oftalmologia dos AMEs até dezembro deste ano”, disse o secretário da Saúde do estado, Jean Gorinchteyn.

Os procedimentos serão realizados em 46 AMEs de todas as regiões do estado e em 10 hospitais da rede da secretaria estadual da Saúde. No Corujão da Saúde, os serviços são oferecidos em horários alternativos, como no período noturno ou finais de semana.  

Comente aqui