Data: 22/10/2021 16:54 / Autor: Redação / Fonte: Husqvarna Motorcycles

Husqvarna do Brasil apoia categorias de base e incentiva novos talentos no motociclismo

A aposta na nova geração de pilotos, assim como patrocínio a campeonatos e corridas de mini moto fazem parte do projeto da marca


Crédito: Tiago Lopes / Show Radical

As categorias de base e os jovens pilotos que podem se tornar o futuro das duas rodas no país estão na mira da Husqvarna Brasil. Não basta apenas ter o talento, ele necessita ser esculpido, a criança precisa receber um treinamento adequado, um bom equipamento e se tiver um apoio ou pequeno incentivo, então, o caminho está aberto para o voo. Pensando neste nicho, a marca está apostando também no futuro do esporte.

Nesta temporada a Husqvarna Brasil Power Husky/Goldentyre está com um time de pilotos oficiais e satélites, com idade entre 8 a 18 anos, sob supervisão também do embaixador da marca no Brasil, Humberto Martin, o Machito, 31 anos, e a equipe compete no Campeonato Brasileiro de Motocross, no Arena Cross e outras provas da modalidade. Os competidores oficiais são Machito e Franco Iavecchia, 16 anos. Da equipe satélite são: Heitor Matos (8 anos), Bruno Brito (12 anos), Miqueas Chambón (17 anos) e German Bratschi (18 anos).

“A entrada de jovens pilotos na equipe nos fazem acreditar que estamos no caminho certo. Há muitos desafios pela frente mas contamos com um time muito competente e, aliado a uma marca conceituada como a Husqvarna Motorcycles, certamente vão resultar em novos talentos para o futuro do motociclismo brasileiro”, afirma Maurício Fernandes, sócio-diretor da Husqvarna Brasil.

Venezuelano que adotou o Brasil há alguns anos como sua pátria, Machito é tricampeão Latino-Americano de Motocross, campeão Brasileiro do Arena Cross, entre outros títulos, e tem uma escola (Machito School 101) em Atibaia/SP, inclusive é responsável pela preparação da equipe. “A aposta em pilotos menores e amadores é muito importante porque está se plantando a semente para ser um profissional na MX1 e MX2. É de extrema importância a Husqvarna estar apoiando os meninos e vai fazer total diferença para o futuro deles”, ressalta o piloto. Segundo Machito a receita para o triunfo é ter um equipamento de primeira, profissionais dispostos a fazer tudo para oferecer o equipamento 100% acertado para as competições, como é caso do trabalho supervisionado por Fernandes, que também é competidor, e executado por Fábio Guerreiro (chefe de equipe e preparador) e uma boa preparação para que o piloto atinja seus objetivos.

“Eu sou a prova viva disso. Fui apoiado desde pequeno e se não fosse isso não teria chegado longe como chequei e alcançado tudo que consegui. Esse incentivo faz toda a diferença, pode ser uma coisa mínima, mas acaba mudando o futuro de uma criança”, completa Machito.

Franco Iavecchia, piloto oficial da marca, vem focado nos treinamentos desde os 13 anos e evoluindo rápido com os treinamentos de Machito, além de estar muito feliz por ter sido escolhido para representar e defender a Husqvarna. “Estou aproveitando ao máximo essa oportunidade e quero conseguir melhores resultados para a equipe. Por isso tenho uma boa rotina, com bastante treinos de moto, mas também com bike, academia, pilates e junto com os estudos, é claro”, explica o jovem piloto. “Acho muito top a Husqvarna apoiar as categorias de base como a 50cc e 65cc, porque é daí que saem os grandes pilotos”, reforça.

Machito avalia a evolução de Iavecchia: “Acompanho Franco há três anos e evoluiu rápido mas teve uma melhora bastante significativa quando entrou para a equipe, pois começou a andar em uma moto bem competitiva (FC 250 Rockstar). Ele, ainda, tem uns 6 a 7 anos na MX2 para alcançar seus objetivos e tenho certeza que trará muitas conquistas para Husqvarna.”

Comente aqui