Data: 01/12/2021 14:58 / Autor: Redação / Fonte: Andrea Muniz

Moda da retomada: conforto, transparências e looks com personalidade são tendências

Dicas e análises são da professora de personal stylist na Escola de Moda Sigbol e consultora de estilo, Andrea Muniz


Look
Look

Crédito: Divulgação

Depois de passar quase dois anos em casa, as pessoas estão revisitando os guarda-roupas e se preparam para o retorno às atividades presenciais. Segundo a professora da Escola de Moda Sigbol e especialista em estilo, Andrea Muniz, a palavra de ordem é conforto, principalmente para o trabalho. Nesse sentido, as calças sociais e o salto alto dão lugar às peças de alfaiataria desconstruídas e os tênis ganham caráter versátil.

"Com tanta flexibilidade proporcionada pelo trabalho remoto, quem precisar voltar para o escritório não vai mais querer passar um dia inteiro de calça apertada e sapato desconfortável. E assim vemos que as tendências das roupas largas e da união de tecidos ganham espaço", destaca Andrea.

Como exemplo, a especialista cita calças como clochard, pantalonas, pantacourts, joggers, outras com corte reto e as wide legs, sem seguir uma regra de panos: desde o linho até o jeans. Para combinar, o uso de tricots e moletons na parte de cima, por exemplo, dão um ar mais despojado ao look. E nos pés, são os sneakers e os mules que completam a composição.

É sob esse movimento de misturar peças que surge o Hi-Lo (high-low, "alto e baixo", em inglês), tendência que consiste em unir o sofisticado com o básico, fornecendo maior personalidade ao visual.

"Combinar jeans com blazer, vestido midi com tênis, saias com camisetas mais básicas são alguns exemplos", explica Andrea.

Não podemos esquecer que os eventos sociais também estão voltando. E, neste sentido, temos o "sexy back". De acordo com a professora, depois de tanto tempo sem sair, as pessoas apostam nas transparências e deixam mais a pele à mostra.

"Estamos falando do uso de sobreposição de lingerie com tule, sapatos abertos como as sandálias de bico quadrado e decotes mais profundos, por exemplo", finaliza.

Comente aqui