Data: 28/09/2021 16:53 / Autor: Redação / Fonte: PMETRP

GCM de Ribeirão Pires participa da operação contra furto e receptação de fios e cabos

Ação foi coordenada pela Polícia Civil e vai se estender por toda a semana na Estância


Operação foi coordenada pela Polícia Civil e contou com o apoio da Polícia Militar, da GCM e dos fiscais de postura da Secretaria de Meio Ambiente
Operação foi coordenada pela Polícia Civil e contou com o apoio da Polícia Militar, da GCM e dos fiscais de postura da Secretaria de Meio Ambiente

Crédito: Gabriel Mazzo/PMETRP

A Guarda Municipal de Ribeirão Pires participou na manhã desta terça-feira, dia 28, da Operação Delegada chefiada pela Polícia Civil, que teve como objetivo coibir furto e recepção no município. A ação partiu do complexo Ayrton Senna e realizou blitz em alguns pontos comerciais para averiguação. A operação também contou com a participação da Polícia Militar e com fiscais de postura da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano.

De acordo com o comandante da GCM, Sandro Torres, a modalidade de crime que mais tem aumentado, inclusive na Estância, é o roubo e furto de fios e cabos, situação que precisa ser coibida. “A operação busca saber se existe relação entre criminosos e estabelecimentos comerciais da cidade”, explicou.

O secretário de Segurança, Mobilidade e Defesa Civil, Coronel Carmo Junior, destacou que a cooperação técnica entre as forças policiais é fundamental para combater a criminalidade no município. “A somatória de esforços agregada ao serviço de inteligência é o caminho para isso”, disse.

A operação especial vai continuar durante toda semana na cidade sem que detalhes sejam revelados para que as ações não sejam prejudicadas.

Números - Levantamento realizado pela Federação Nacional de Instalação e Manutenção de Infraestrutura de Redes de Telecomunicações e de Informática (Feninfra) aponta que, em 2020, foram registradas no Brasil 96 mil ocorrências de furtos e roubos de cabos de cobre, equivalendo a uma extensão de 4,6 mil quilômetros de fios, o que afetou mais de 7 milhões de usuários e causou prejuízo ao setor de R$ 1 bilhão.

Comente aqui