Data: 03/08/2021 17:39 / Autor: Redação / Fonte: Assessoria Carla Morando

Carla Morando garante com o Estado sonho da casa própria para 55 famílias em São Bernardo

Pedido feito pela parlamentar abrange as 100 famílias que foram desapropriadas há 14 anos pela Dersa, durante a construção do Rodoanel


Crédito: Divulgação

Após 14 anos de espera, o Governo do Estado de São Paulo irá realizar o sonho da casa própria para 55 famílias, das 100 famílias, que foram desapropriadas pela Dersa, em 2007, durante a construção do Rodoanel, nos bairros Batistini e Jardim Represa. A conquista é fruto de uma solicitação feita pela deputada estadual, Carla Morando, que há 1 ano e meio acompanha o processo junto à Secretaria de Habitação do Estado.

Em clima de festa e muita emoção, Carla Morando, reuniu os representantes das 55 famílias, que foram contempladas nesta 1ª etapa, no auditório principal da Secretaria de Habitação do Estado. Acompanhada pelo secretário executivo da Secretaria de Habitação, Fernando Marangoni, a parlamentar anunciou que o problema estava solucionado.

“Há 14 anos vocês aguardam por essa notícia. Tenho muito prazer em comunicar que o Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Habitação do Estado, vai disponibilizar o valor de R $160 mil, para vocês comprarem a casa própria”, comemorou Carla Morando.

A deputada ainda salientou que no início do ano passado foi procurada por uma liderança da região, para solucionar o problema do auxílio aluguel. “O Luis de Deus me procurou e apresentou a demanda. Muitos moradores estavam passando por dificuldades, por não receber o benefício de direito. A princípio, acionei o Estado para resolver o problema do auxílio aluguel. Mas, com o andar da demanda, conseguimos solucionar a questão definitivamente”, explicou a deputada.

Claudia Soares, na época, morava com uma amiga quando recebeu o anúncio da desapropriação. Desde então, vivia com medo e insegura em relação ao futuro. “Recebia o auxílio aluguel, mas sempre estava preocupada. Achava que esse problema nunca seria resolvido e iria para a rua, sem ter onde morar. Mas, hoje, depois de 14 anos, temos a solução. Estou muito grata pelo comprometimento da deputada Carla Morando, em pegar a nossa causa e resolvê-la”, disse Claudia

As famílias terão autonomia para escolher o imóvel apropriado. Mas, como em todos os financiamentos, os imóveis terão que estar regularizados e apresentar escritura e habite-se. E pela, a equipe do Social da CDHU foi disponibilizada para auxiliar exclusivamente os moradores de São Bernardo em todo o processo burocrático, como a regularização da documentação e a procura pelos imóveis, facilitando o processo dos beneficiados.

Comente aqui